41: Vanilla ISIS

Voltamos. Dilma continua presidente, Levy não é mais ministro, Congresso está de recesso e a Lava Jato continua rendendo manchetes. Porém, essa semana não falaremos de nada disso.

Em meio à ferrugem de quase um mês parados (nossa e dos equipamentos, que relutaram em voltar à atividade e nos deram alguma dor de cabeça), resolvemos apelar para dois assuntos mais curiosos e menos polêmicos. Primeiro, comentamos um projeto de lei um tanto inusitado, propondo o fim do papel moeda no Brasil. Depois, voltamos nossa atenção a alguns eventos que estão acontecendo no interior do Noroeste norte-americano, onde um grupo de fazendeiros resolveu invadir um prédio federal como protesto à condenação de outros dois fazendeiros da região.

E o que diabos o Vanilla Ice tem a ver com isso? Dê o play, siga os links e descubra. E depois comente sobre nossa volta, nossa ferrugem ou os assuntos em discussão - ou, até mesmo, o noticiário das últimas semanas.

Proibição da circulação do papel moeda (0:32 até 27:29)

  • Texto do Projeto de Lei do sr. Reginaldo Lopes (Câmara Federal)
  • Banks are seriously discussing negative interests rates for normal people's savings (Business Insider)
  • Como a mudança do ICMS afetou profundamente nosso negócio de e-commerce (Igor Gaelzer)
  • Why bitcoin can't help the poorest - yet (TechCrunch)
  • Como economizar até 15% nas compras em dólar usando bitcoin (João Paulo Oliveira)
  • Riscos decorrentes da aquisição das chamadas “moedas virtuais” (Banco Central do Brasil)

Protestos no Oregon (27:32 até 54:50)

  • Two ranchers, two fires, too long behind bars (Reason)
  • The Oregon militia standoff, explained (Vox.com)
  • Vanilla ISIS & Y'All Qaeda: Oregon gunmen mocked on social media (Huffington Post)
  • Por que milicianos brancos armados tomaram reserva ambiental nos EUA (BBC Brasil)
  • Senado aprova lei antiterrorismo; proposta voltará à Câmara (Folha de S. Paulo)
  • Exclusivo: um terrorista no Brasil (Época)
  • Direito Natural e Direito Positivo (JusNavigandi)
  • What happened in the Hammond sentencing in Oregon? (Popehat)
  • É preciso endurecer as punições (Superinteressante)
  • "Three Strikes Laws" (JusNavigandi)

Continue a conversa conosco nos comentários, ou pelo email comentarios@20centavos.net. E não deixe de nos acompanhar no Facebook e no Twitter.

Para nos ajudar a fazer do 20 Centavos um projeto sustentável, você pode doar qualquer quantia pelo Patreon. Obrigado!

11: Coletivo de Jabutis

Sim, estamos atrasados. Acontece que uma das tantas dificuldades envolvidas na produção de um podcast, mesmo um tão simples quanto o nosso, é a necessidade de ter voz. E durante essa semana, uma laringite acabou com a do Solon. Por isso, só conseguimos gravar nessa última sexta-feira - e ainda assim, no mínimo vocês poderão notar algumas tosses ao longo da conversa.

Mas dizem que antes tarde do que nunca. Então, aqui está nosso episódio 11. Como sempre, abaixo os assuntos tratados e os links relacionados. Além disso, queríamos deixar registrado nosso agradecimento à Camila Gadelha por ser a primeira patrona de nosso podcast, através de nossa página no Patreon

Como esperado, o Senado aprovou a indicação de Luiz Edson Fachin para o STF (de 01:18 até 25:48)

Os jabutis do Congresso (de 25:52 até 35:39)

  • Medida Provisória 668 / 2015 (Câmara Federal)
  • Câmara terá reforma e shopping bilionários; veja detalhes (Exame)
  • Câmara aprova aumento de imposto sobre bebidas importadas (Estadao)
  • ‘Eu mesmo não sei o que é atividade fim e atividade meio’, diz ministro do Trabalho (Estadao)

O "envergonhamento público" de Alexandre Padilha (de 35:42 até 48:55)

  • O vídeo do ocorrido
  • Insultado em restaurante, Padilha afirma que clima é de intolerância (Folha)
  • Resposta de Padilha, em sua página no Facebook
  • Exemplos do nível da discussão gerada. De um lado, Augusto Nunes (blogueiro na Veja): “Um brasileiro indignado estragou o almoço do ex-ministro Alexandre Padilha: ‘Ele nos brindou com gastos de 1 bilhão que nós todos aqui, otários, pagamos até hoje’”. De outro, Eduardo Guimarães: “Além de mesquinho, endinheirado que agrediu Padilha é incompetente”.