59: Erradicação da Fome e a Paz Mundial

Nessa semana, trouxemos dois assuntos complementares e um tanto esotéricos para nossos padrões. O que, inclusive, talvez possa explicar as duas enormes erratas que o Solon nos obrigou a postar nos parágrafos abaixo ("mea culpa, mea maxima culpa", diz ele). 

Para começar, aproveitamos o gancho do comentário do Rogério Calsavara no post do episódio anterior, para tratarmos das questões de tamanho do Estado e um dos temas preferidos do Jorge, o princípio da subsidiariedade. Em conversa que passou até pelo papel da circuncisão entre os judeus, temos a primeira importante errata: a matéria a que o Solon se refere, que fala sobre o neo-medievalismo e o possível fim dos Estados-nação, não foi publicada na Scientific American mas na New Scientist, e data do ano passado. 

Dado o final um pouco preocupante desse primeiro bloco, na segunda parte da conversa resolvemos tratar com um pouco mais de atenção uma questão já rapidamente levantada em episódios anteriores: o mundo está melhorando ou piorando? E o que foi que o Solon falou de errado dessa vez? Pois ele disse que nós, seres humanos, erradicamos nosso planeta do sarampo, quando queria referir-se à varíola. 

Mas, enfim, não só errar é humano, mas esses detalhes não afetam de forma alguma os assuntos discutidos. Assim, dê o play, siga os links, lembre das erratas, deixe seu comentário sobre o mundo estar melhorando ou piorando, ou sobre qualquer outra coisa que ache adequado.

Subsidiariedade (de 00:31 até 27:11)

O mundo está melhorando? (27:16 até 54:46)

  • Trailer do documentário Downloaded, sobre a história do Napster (em inglês)
  • The world is getting better all the time, in 11 maps and charts (Vox)
  • O mundo na verdade está melhorando, explica especialista (Exame)
  • Boko Haram is to blame for new cases of polio in Nigeria (Slate)
  • Campanha de erradicação da varíola é exemplo para ação global no combate a doenças (ONU)
  • Discovery of key component of HIV yields new drug target (Science Daily)
  • Ray Kurzweil: The world isn't getting worseour information is getting better (Geek Wire)
  • Good News Network, uma rede que só publica notícias boas (em inglês)
  • Estrela do Facebook é morta em crime de honra no Paquistão (Estado de Minas)
  • Episódio #55, em que falamos de desigualdade e pobreza 
  • I'm a neoliberal. Maybe you are too (Sam Bowman)

A música desta semana é It's The End of the World, do R.E.M. 

Continue a conversa conosco nos comentários, ou pelo email comentarios@20centavos.net. E não deixe de nos acompanhar no Facebook e no Twitter

Para nos ajudar a fazer do 20 Centavos um projeto sustentável, você pode doar qualquer quantia pelo Patreon ou pelo Kickante. Obrigado! 

57: O ataque do FMI ao neoliberalismo

O episódio dessa quinzena é daqueles com mais assuntos menores, comentários mais breves sobre notícias que não rendem tanta conversa.

Em específico, falamos da declaração infeliz do presidente da CNI sobre mudanças nas leis trabalhistas brasileiras; depois, voltamos a falar de violência policial a partir, em especial, de uma "novidade" introduzida pela polícia de Dallas, nos EUA; e, finalmente, no que dá título a esse episódio, comentamos alguns pontos do recente artigo do FMI com críticas ao que chamam de "neoliberalismo". 

Um daqueles episódios de consumo fácil, mas com assuntos que, esperamos, devem render bons comentários ou considerações por parte de vocês. Assim, o áudio está ali em cima, os links estão aí embaixo. Ouçam, leiam, comentem e, acima de tudo, aproveitem. 

Leis trabalhistas (02:54 até 13:22)

  • Presidente da CNI fala em mudar lei trabalhista e cita jornada de 80 horas (G1)
  • França enfrenta a maior onda de protestos contra a reforma trabalhista (El País)
  • Presidente da CNI jamais defendeu aumento da jornada de trabalho (CNI)

Uso de força letal pela polícia (13:25 até 31:55)

  • Polícia de Dallas usa robô-bomba para matar suspeito e levanta debate (NY Times, via Folha de S. Paulo)
  • A Police Department That's Embraced Reform (Slate)
  • Morte de dois negros por policiais provoca indignação nos EUA (G1)
  • "Quem não reagiu está vivo", afirma Alckmin sobre operação da Rota que matou nove (UOL)
  • Menino de 11 anos morre após ser baleado por guarda-civil em SP (Folha de S. Paulo)  
  • End needless interactions with police officers during traffic stops (The Atlantic)
  • O que acontece durante 48 horas no Rio de Janeiro (Veja)
  • "Good cops are afraid" (Human Rights Watch)
  • MP denuncia policiais por morte de universitária no Rio (Veja)
  • Prefeitura proíbe guarda de atirar em veículo suspeito (Estadão)
  • Comandante-geral da BM faz desabafo após morte de soldado (Zero Hora)
  • "Abandonou completamente qualquer técnica policial", diz especialista sobre soldado morto (Zero Hora)

 Artigo do FMI sobre neoliberalismo (31:59 até 55:07)

  • Neoliberalism: oversold? (FMI)
  • Por que o neoliberalismo não é mais unanimidade no FMI (Nexo Jornal)
  • O estranho dia em que o FMI criticou o neoliberalismo (BBC)
  • Sabe aquele papo que o FMI afirmou que o "neoliberalismo" não funciona? É mentira (Spotniks)
  • Abenomics is working (Bloomberg)
  • Why Japan's economy is laboring (The Wall Street Journal)
  • Japan confirms it will not be undertaking an awesome economic experiment (Slate)
  • Debate entre heterodoxia e ortodoxia só existe no Brasil, diz economista (Folha de S. Paulo

A música desta semana é I Fought the Law, do The Clash.

Continue a conversa conosco nos comentários, ou pelo email comentarios@20centavos.net. E não deixe de nos acompanhar no Facebook e no Twitter.

Para nos ajudar a fazer do 20 Centavos um projeto sustentável, você pode doar qualquer quantia pelo Patreon. Obrigado!

54: Invasão de Privacidade

O episódio de hoje não só tem nome de filme, mas parte de uma história que poderia facilmente ser de filme: o processo do ex-lutador Hulk Hogan contra o site americano Gawker. Tem de tudo, traição com a mulher do melhor amigo, um bilionário que quer ser imortal com sede de vingança, sextapes e um processo milionário. 

Afora o inevitável aspecto de entretenimento, porém, a história tem levantado duas discussões interessantes: o financiamento de processos legais por terceiros, e a reforma das legislações de dano civil nos EUA. 

Além disso, como de praxe, dedicamos os primeiros minutos a retomar alguns comentários das últimas semanas. O resultado final é um episódio um pouco mais curto e, esperamos, de fácil digestão. Como sempre, dê o play e siga os links.

Comentários (0:31 até 17:17)

  • PLP 257/2016 (Câmara)
  • Mais um Golpe no Funcionalismo (Blog do Cafezinho)
  • Depois da crise, Alemanha volta a ser o motor da Europa (iG)

Invasão de Privacidade (17:20 até 45:39)


A música desta semana é o tema de chegada ao ringue de Hulk Hogan.

Continue a conversa conosco nos comentários, ou pelo email comentarios@20centavos.net. E não deixe de nos acompanhar no Facebook e no Twitter.

Para nos ajudar a fazer do 20 Centavos um projeto sustentável, você pode doar qualquer quantia pelo Patreon. Obrigado!

52: Privatiza Tudo

"Me incomoda um pouco o fato de vocês (principalmente o Jorge) apoiarem a privatização por conta de a privatização acabar melhorando o desempenho da empresa, enquanto como empresa pública os desvios da mesma acabam prejudicando os resultados", disse o ouvinte Eduardo Ferreira, entre outras coisas, nos comentários do episódio 50.

De tempos em tempos, nos parece necessário fazer um momento de reflexão tanto sobre nossas opiniões em geral, como sobre a forma como a comunicamos durante nossos episódios.

Em parte, nossa insistência em que confiram os links de referência que colocamos em todos os episódios é, exatamente, para tentar diminuir um pouco da estranheza de algumas opiniões. Mas ao longo de nossas conversas acabamos, ou por nem nos darmos conta de que é necessário, ou pra evitar parecer aula de colégio, não nos apegando a certos aspectos, digamos, mais fundamentais da nossa eventual visão sobre um assunto.

Assim, dedicamos esse episódio a, antes de mais nada, esclarecer alguns pontos mais específicos dos comentários das duas últimas semanas - e assuntos como limitação de uso de internet, e reforma agrária -, mas especialmente para dedicar um bloco às questões do privado vs. público e por que, via de regra, vamos defender que a privatização é a melhor saída para algo, ainda que seja uma opinião mais teórica do que prática.

Comentários (de 0:31 até 24:13)

Privatização (de 24:18 até 58:55)


A música desta semana é Anarquia Oi!, dos Garotos Podres. 

Continue a conversa conosco nos comentários, ou pelo email comentarios@20centavos.net. E não deixe de nos acompanhar no Facebook e no Twitter.

Para nos ajudar a fazer do 20 Centavos um projeto sustentável, você pode doar qualquer quantia pelo Patreon. Obrigado!

51: Carpir e Usucapir

Dado o atraso de nossa parte na publicação do episódio da semana passada, acabou não dando tempo de surgirem comentários antes de voltarmos a gravar. Assim, sob um calor fora de época de um lado, e uma chuva de sempre de outro, falamos sobre dois assuntos clássicos do debate político, ignorando as polêmicas salivares da hora. 

Começamos por aquela que talvez seja a batalha mais perdida que um economista, mesmo que amador, pode abraçar: o salário mínimo e suas consequências nefastas sobre a vida dos mais pobres. Depois, aproveitando um gancho da semana passada e o pedido de um ouvinte, ensaiamos alguns comentários sobre a reforma agrária, assunto que pode parecer simples à superfície, mas acaba levando a alguns pontos importantes até mesmo para os defensores mais ferrenhos da liberdade.

Finalmente, nosso apelo corriqueiro para que não deixem de seguir os links abaixo. Eles enriquecem o debate e esclarecem aqueles trechos em que seguimos em frente, em vez de fazer uma pausa para uma nota de rodapé. Então, deem o play, escutem, compartilhem e, principalmente, comentem bastante para que na próxima semana possamos voltar a dedicar o primeiro bloco do episódio a vocês.

Salário Mínimo (de 0:30 até 14:45)

  • Governo propõe na LDO salário mínimo de R$ 946 em 2017 (G1)
  • Estados dos EUA aprovam reajuste do salário mínimo (Estadão)
  • How High Would You Make the Minimum Wage? (Reason)
  • O Salário Mínimo ajuda mesmo o trabalhador? Como funciona fora do Brasil? (Mercado Polular)
  • Episódio 16, em que falamos de reforma de previdência (20 Centavos)

Reforma Agrária (de 14:50 até 41:13)


A música desta semana é Cio da Terra, de Milton Nascimento e Chico Buarque. 

Continue a conversa conosco nos comentários, ou pelo email comentarios@20centavos.net. E não deixe de nos acompanhar no Facebook e no Twitter.

Para nos ajudar a fazer do 20 Centavos um projeto sustentável, você pode doar qualquer quantia pelo Patreon. Obrigado!

    49: Altruísmo Destrutivo

    Mais uma semana, mais um episódio com um primeiro bloco dedicado aos comentários. Um pouco de política, um pouco de pornografia, um pouco de governos e privacidade. Tem pra todo gosto.

    No segundo bloco, e ainda seguindo sugestão enviada por comentário, usamos a questão dos licenciamentos ambientais para falar de mudanças climáticas, antropoceno, além de voltarmos ao nosso assunto preferido: a eterna tensão entre Estado vs. Mercado.

    Dêem o play, sigam os links e, por favor, continuem mandando comentários e sugestões sem nenhum pudor. Nós gostamos muito da interação e de poder descobrir ou pensar sobre assuntos pros quais nem sempre daríamos atenção, naturalmente.

    Comentários (de 0:31 até 26:16)

    Licenciamento Ambiental (de 26:21 até 56:19)

    • Estudo de impacto ambiental do Cais Mauá em Porto Alegre é entregue (G1)
    • A corrupção nas obras de Belo Monte - segundo a delação de Delcídio (Época)
    • Water Capitalism: The Case for Privatizing Oceans, Rivers, Lakes, and Aquifers (Livro de Walter Block)
    • 20 Centavos #20, em que falamos do Desconto Hiperbólico
    • Eis por que os cientistas têm certeza que vivemos no Antropoceno (Motherboard)
    • Carbon Emissions Highest They Have Been in 66 Million Years (Scientific American)
    • The Next Big One – sobre um enorme terremoto em Seattle (The New Yorker)
    • Climate change will wipe $2.5tn off global financial assets: study (The Guardian)
    • Tesla Model 3: Pre-orders top 270,000 in three days (The Week)

    A música desta semana é Heal the World, do Michael Jackson. 

    Continue a conversa conosco nos comentários, ou pelo email comentarios@20centavos.net. E não deixe de nos acompanhar no Facebook e no Twitter.

    Para nos ajudar a fazer do 20 Centavos um projeto sustentável, você pode doar qualquer quantia pelo Patreon. Obrigado!

    39: Ataque de Tigres

    Essa semana, enfim, conseguimos cumprir algumas promessas feitas em relação a pedidos de ouvintes: trouxemos uma voz feminina para o 20 Centavos e, ainda, resolvemos debater as diferenças entre visões individualistas e coletivistas, entre liberalismo e socialismo, entre vida em sociedade e sociopatia e tantas outras coisas. Nossa convidada é a Juliana Wallauer, uma das metades responsáveis pelo Mamilos, um dos podcasts mais populares do Brasil e responsável por trazer muitos de nossos ouvintes (como, imagino, de tantos outros podcasts brasileiros).

    Como parece ser inevitável quando temos convidados, estouramos um pouco (ou bastante) nosso limite de uma hora, mas é porque a conversa foi boa. Esperamos que todos concordem e nos desculpem pelo excesso. Também, tenho certeza que irão concordar conosco que ainda sobrou muito assunto para debater, que hão de ficar para episódios futuros.

    Mas, enfim, o episódio está longo então chega de texto. Dê o play e, esperamos, curta tanto ouvir a conversa quanto gostamos de gravá-la.

    Bate-papo com Juliana Wallauer (0:32 a 1:22:21)

    • Episódio #34 do 20 Centavos, sobre a redistribuição de renda
    • Anatel aprova norma para reduzir preços de ligações entre operadoras de celular (Agência Brasil)
    • O Congo já foi a maior propriedade particular do mundo (Guia do Estudante)
    • Estado islâmico atira homens de prédio por serem gays (Extra)
    • Funai lamenta morte de índio e critica ação de reintegração de posse (Folha de S. Paulo)
    • Caiu a casa para a Mega Sena! Será? (e-farsas)
    • Entenda o conceito de 'Justiça Social' (Portal Brasil)
    • O que é Justiça Social? (Portal Libertarianismo)
    • Episódio #16 do 20 Centavos, em que falamos sobre previdência
    • TCU estima déficit trilionário na Previdência até 2050 (Folha de S. Paulo)
    • Novas regras estimulam geração de energia pelos consumidores (Portal Brasil)
    • Governo quer estabelecer normal nacional para água de reúso (Exame)
    • Episódio #18 do Mamilos, em que se debateu o sistema de cotas

    Continue a conversa conosco nos comentários, ou pelo email comentarios@20centavos.net. E não deixe de nos acompanhar no Facebook e no Twitter

    Para nos ajudar a fazer do 20 Centavos um projeto sustentável, você pode doar qualquer quantia pelo Patreon. Obrigado!

    35: Função Social do Preço

    Como havíamos avisado no episódio e post da semana passada, hoje publicamos a segunda parte do que gravamos lá no longínquo dia 27 de outubro. Então, caso você estranhe algum comentário sobre "o assunto anterior", já sabe a que nos referíamos.

    Dito isso, o assunto dessa semana segue a temática da regulação governamental, mas por outro viés: a intervenção de entidades antitruste, como o brasileiro Cade e o americano FTC, na prevenção ou controle de monopólios, oligopólios, monopsônios e similares. Mais especificamente, começamos a conversa a partir da notícia da venda da SAB Miller para a AB Inbev e o consequente surgimento de uma empresa cervejeira dona de quase metade do mercado mundial.

    No processo, como já devem estar acostumados, passamos por discussões mais gerais sobre papel do governo, avanços no estudo da economia e prêmio Nobel "de mentirinha". Os já tradicionais links estão abaixo. Dê o play, aproveite a conversa e deixe seu comentário. 

    Defesa da concorrência (1:24 até 44:00)

    • Cervejarias AB InBev e SABMiller anunciam a 3­ª maior fusão da história (Folha de S. Paulo)
    • Cade tende a manter a decisão sobre Nestlé-Garoto, diz Furlan (Exame)
    • The 2014 Nobel Laureate in economics is Jean Tirole (Marginal Revolution)
    • Francês ganha o Nobel de Economia 2014 por estudo sobre poder de mercado das empresas (Estadão)
    • Operação Zelotes: Alvo de escândalo bilionário de corrupção, o Carf deveria ser extinto? (BBC)
    • Por que Mises (e não Hayek)? (Instituto Mises
    • How to Win a Nobel Prize (Freakonomics Radio)

    Continue a conversa conosco nos comentários, ou pelo email comentarios@20centavos.net. E não deixe de nos acompanhar no Facebook e no Twitter

    Para nos ajudar a fazer do 20 Centavos um projeto sustentável, você pode doar qualquer quantia pelo Patreon. Obrigado!

    34 - Olhando para o Abismo

    O episódio dessa semana tem um quê de física quântica: é mais curto e mais longo que de costume. Acontece que, por uma soma de desatenção, empolgação e falta de luz, nos passamos um pouco no tempo e os dois blocos de conversa extrapolaram os 40 minutos. Por isso, achamos que seria melhor para todos - nós e, principalmente, vocês - desmembrá-los em dois episódios diferentes.

    Assim, essa semana nos debruçamos sobre a questão da "renda mínima universal", projetos que garantem que toda a população receba uma determinada quantia todo mês, independente de ter renda ou não, ou de quanto é essa renda.

    Para a supresa de muitos, talvez, a proposta não é nem um pouco maluca e, historicamente, tem o apoio de grandes nomes do liberalismo econômico, como Friedrich Hayek e Milton Friedman. Inclusive, resolvemos tratar do assunto devido à notícia de que a implantação de um programa do tipo deve ser discutida pelo Congresso finlandês ainda esse ano, a partir de uma proposta do governo federal, que é de centro-direita.

    Ficou curioso? Esperamos que sim. Então, dê o play, siga os links abaixo e, quem sabe, deixe seu comentário. 

    Renda mínima e programas de transferência de renda (de 0:32 a 41:46)

    • Por que a Finlândia quer pagar um salário mínimo a todos (BBC)
    • Até mesmo Hayek e Friedman defendem o Bolsa Família (Instituto Mises Brasil)
    • As raízes liberais do Bolsa Família (Mercado Popular)
    • Should Libertarians support a basic income guarantee? (The Tom Woods Show
    • 'Batalha' da renda mínima continua, diz Suplicy após derrota na eleição (G1)
    • Renda básica: Robin Hood às avessas (Folha de S. Paulo
    • Meta fiscal do governo prevê o maior rombo das contas públicas da história (Jornal da Globo)
    • Proposta de corte no Bolsa Família gera medo da fome entre dependentes (UOL)
    • Bolsa-Família, escolha ocupacional e informalidade no Brasil (Ana Luiza Neves de Holanda Barbosa e Carlos Henrique L. Corseuil, IPEA)
    • Nem sempre há algo de podre no reino da Dinamarca (Paul Krugman | UOL)
    • Resposta ao artigo do Paul Krugman acima – Enough About Denmark Already: Here’s What Krugman and Sanders Left Out (Contra Krugman)

    Continue a conversa conosco nos comentários, ou pelo email comentarios@20centavos.net. E não deixe de nos acompanhar no Facebook e no Twitter

    Para nos ajudar a fazer do 20 Centavos um projeto sustentável, você pode doar qualquer quantia pelo Patreon. Obrigado!

    33: Morando Sobre uma Pilha de Dinheiro

    Depois de alguns teasers, essa semana finalmente cumprimos com a promessa e trouxemos nosso primeiro convidado. Como nunca havíamos gravado com outra pessoa, escolhemos alguém que tivesse algo interessante para falar mas que também fosse "de casa" e tivesse a paciência necessária para ser a primeira cobaia.

    Assim, o episódio dessa semana traz a presença do Anthony Ling, arquiteto, urbanista e empreendedor gaúcho, há quatro anos morando aqui em São Paulo. Mais especificamente, falamos sobre economia urbana, ou seja, a aplicação de conceitos e ferramentas da área econômica ao urbanismo e o planejamento urbano.

    Por uma hora, vamos do Plano Diretor de São Paulo às favelas do Rio de Janeiro e os limites do direito à propriedade na hora de permitir que cidades cresçam da forma mais orgânica possível. Ah, e também por que, diabos, as cidades brasileiras são tão feias. 

    No fim, devemos ter conseguido cobrir pouco mais de 10% dos assuntos que tínhamos preparado para essa conversa. Por isso, dê o play, siga os links abaixo e nos diga o que achou. Se vocês gostarem de ouvir tanto quanto nós gostamos de produzir esse episódio, podemos repetir a dose no futuro.

    Economia Urbana (de 0:32 até 1:00:06)


    Convidado: Anthony Ling
    Arquiteto, urbanista e empreendedor.


    Continue a conversa conosco no Twitter ou no Facebook, ou então mande um email para comentarios@20centavos.net.

    Para nos ajudar a fazer do 20 Centavos um projeto sustentável, doe qualquer quantia pelo Patreon. Obrigados!


      32: Quem é Keyser Söze?

      Como esperado, a conversa sobre controle de armas da semana passada acabou gerando mais comentários que o de costume. Por isso, acabamos dedicando a primeira parte desse episódio para tratar desses pontos e tentar esclarecer alguns assuntos que talvez tenham sido abordados sem a devida atenção. 

      Passado esse momento, aproveitamos a notícia da premiação do escocês Angus Deaton com o Nobel de Economia para tratar dos dois assuntos que permearam sua atuação nos últimos anos junto a instituições como o Banco Mundial: pobreza e desigualdade. Qual a ligação entre os dois assuntos? Como melhor lidar com cada um deles? 

      Dê o play, siga os links e, quem sabe, nos ajude a descobrir: quem é Keyser Söze?

      Comentários dos ouvintes (de 0:32 até 26:53)

      Pobreza e desigualdade (de 26:56 até 1:10:56)


      Continue a conversa conosco no Twitter ou no Facebook, ou então mande um email para comentarios@20centavos.net.

      Para nos ajudar a fazer do 20 Centavos um projeto sustentável, doe qualquer quantia pelo Patreon. Obrigados!


      CONVITE: Participe do II Fórum Liberdade e Democracia de São Paulo, promovido pelo IFL-SP e que contará com palestrantes como David Friedman e Abílio Diniz. Será no dia 19 de outubro, em São Paulo, no Teatro Renault. Ouvintes do 20 Centavos que escreverem para nós concorrem a 5 ingressos VIP.

      DICAS:

      29: Dá Bilhão?

      Depois de muito adiarmos, achando que não teríamos muito o que somar ao assunto que já não tivesse sido tratado por gente potencialmente muito mais qualificada, finalmente encaramos a crise financeira e política por que passa o Brasil. Ainda assim, esperamos e acreditamos que tenhamos tratado de alguns pontos que possam fugir um pouco da narrativa diária que nos ataca nos grandes portais.

      Para o segundo segmento, em assunto ainda um pouco relacionado, falamos sobre o projeto de lei do senador Ciro Nogueira (PP/Piauí) que legalizaria os jogos de azar no Brasil. Será que podemos esperar que seja essa uma saída de aumentar a arrecadação sem mexer em impostos? Que vamos ter a volta de cassinos e bingos por todo o país? Para saber, dê o play e siga os links.

      Crise política e econômica no Brasil (de 0:32 até 35:56)

      • Estagflação: estagnação, inflação e desemprego (Dinheirama)
      • Brasil está longe da 'estagflação', avalia presidente do Banco Central (G1)
      • 'Estamos em um processo de estagflação', diz o economista Carlos Langoni (Brasil Econômico)
      • Congresso mantém vetos, mas adia análise do reajuste dos servidores do Judiciário (Senado Federal)
      • Lula: crise é tsunami nos EUA e, se chegar ao Brasil, será 'marolinha' (O Globo)
      • Sem reforma tributária, governo recorre a aumento de impostos para compensar a perda da CPMF (Época
      • Sem CPMF, Lula lança pacote que ataca trabalhadores e funcionalismo (PSTU)
      • Política econômica anticíclica (Wikipedia)
      • Governo anuncia corte de R$ 26 bilhões e quer ressuscitar CPMF (Folha de S. Paulo)
      • 20 Centavos #16: Ativismo Bom é Ativismo Aposentado
      • How Netflix Reinvented HR (Harvard Business Review)
      • Hard Work is Irrelevant (Planet Money #647, transcrição)
      • Morre Vaclav Havel, ex-estadista e dramaturgo (BBC)
      • Conheça as etapas do ajuste de Sartori (Zero Hora
      • Usar crise como mecanismo para chegar ao poder é versão moderna do golpe, diz Dilma (Estadão)
      • Eduardo Cunha é citado por mais um delator da Operação Lava Jato (G1)
      • Cunha diz que vai despachar pedidos de impeachment a partir da próxima semana (Estadão

      Possível legalização dos jogos de azar no Brasil (de 36:58 até 55:26)

      • Texto completo do Projeto de Lei do Senado n° 186, de 2014 (Senado Federal, em PDF)
      • Os prós e os contras de legalizar o jogo no país (Zero Hora)
      • Palestra de David Friedman no XXIII Fórum da Liberdade sobre monopólio (Parte 1, Parte 2)
      • Como se divide o dinheiro arrecadado com a Mega Sena (CEF)
      • STF proíbe doações de empresas para campanhas eleitorais e partidos (Folha de S. Paulo)
      • Com manobra de Cunha, Câmara aprova doação de empresas para partidos nas campanhas (O Globo)
      • 20 Centavos #13: Reforma Política, Take 2
      • Como o dinheiro do empreiteiro Ricardo Pessoa chegou ao senador Ciro Nogueira (Época)
      • Câmara aprova extensão de cobrança de imposto a Netflix (Exame)

      CONVITE: Participe do II Fórum Liberdade e Democracia de São Paulo, promovido pelo IFL-SP e que contará com palestrantes como David Friedman e Abílio Diniz. Será no dia 19 de outubro, em São Paulo, no Teatro Renault. Ouvintes do 20 Centavos que escreverem para nós concorrem a 5 ingressos VIP.


      Continue a conversa conosco no Twitter ou no Facebook, ou então mande um email para comentarios@20centavos.net.

      Para nos ajudar a fazer do 20 Centavos um projeto sustentável, doe qualquer quantia pelo Patreon. Obrigados!

      28: Meu Rim, Minhas Regras

      Essa semana, excepcionalmente, publicamos com um certo atraso devido a complicações técnicas fora de nosso controle. Mas com sorte, ter que gravar o mesmo show uma segunda vez nos permitiu estar mais preparados e ser mais concisos e informativos. Vocês decidem.

      E por falar em citações a antigos programas da Globo, nosso primeiro bloco de hoje tem gostinho de Vale a Pena Ver de Novo: com a passagem de leis no Rio de Janeiro e em São Paulo proibindo seu uso, e novos desenvolvimentos nos tribunais dos EUA, voltamos a falar do incrivelmente polêmico Uber, tecnologias que permitem esse tipo de serviço e a tal da economia de compartilhamento.

      Depois, resolvemos continuar o tema sobre os limites dos direitos sobre nosso próprio corpo – abordado na semana passada, ao falar de prostituição, e no episódio 4, quando falamos de aborto – ao discutir a questão da legalização e regulamentação da venda de órgãos. Garantimos que a grande maioria de vocês não faz ideia de qual é o único país do mundo onde isso é permitido. 

      Abaixo, como de praxe, nossa lista de links e referências. Com dois assuntos um pouco mais polêmicos, essa semana, recomendamos mais do que nunca acompanhá-los dentro do possível. Agora, deem o play e aproveitem. 

      Uber, de novo (de 7:27 até 36:06)

      • Artigo do Pedro Burgos (Vice)
      • Episódio 643, Planet Money: Como as licenças de táxi em NY chegaram a valer US$ 1 milhão. (Transcrição).
      • Uber can't be stopped. So what happens next? (The Verge)
      • Resposta no Blog do Mises Institute
      • Juiz dos EUA dá a motoristas do Uber status para ação coletiva (Folha de S. Paulo)
      • Uber ganha batalha em Nova York, mas continua no debate sobre desigualdade (UOL)
      • Proposta do vereador Police Neto para regulamentar Uber em em SP (PDF)
      • Liminar da justiça fluminense, com base no princípio da livre iniciativa (Consultor Jurídico - PDF da liminar)
      • Uber quer comprar toda a frota de carros autônomos que a Tesla produzir até 2020 (IDGNow)
      • Uber promete gerar 30 mil empregos no Brasil até outubro de 2016 (Tecmundo)
      • Dilma diz que Uber é 'complexo' porque 'tira empregos' de taxistas (G1)

      Comércio de órgãos (de 36:08 até 1:05:43)

      Continue a conversa conosco no Twitter ou no Facebook, ou então mande um email para comentarios@20centavos.net.

      Para nos ajudar a fazer do 20 Centavos um projeto sustentável, doe qualquer quantia pelo Patreon. Obrigados!

      25: A Flauta e o Saxofone

      Nessa semana, quem faz o 20 Centavos é você! Usando algumas respostas à pesquisa que divulgamos semana passada e um comentário por email, acabamos fazendo um episódio inteiro "sob demanda".

      Na primeira parte, respondemos e comentamos rapidamente algumas das sugestões ou críticas feitas pela pesquisa. E aproveitamos a oportunidade para reiterar que quem tiver pedidos, sugestões ou reclamações, que não se acanhe e nos envie, que estamos sempre querendo melhorar o podcast.

      Depois disso, usamos um comentário e sugestão feitos por email pelo André Manenti, para falarmos sobre a polarização política atual no Brasil e no mundo, e possíveis soluções para lidar com o atualmente momento político do país - uma revisita ao assunto do nosso já longínquo primeiro episódio. 

      Assim, deem o play, vejam se tratamos de alguma das suas dúvidas ou sugestões, e em caso contrário, apele para os comentários. 

      Sugestões dos ouvintes (de 0:32 até 14:21)

      Comentários e possível fim da Sexta República (de 14:26 até 59:21)

      • Comentário do Fernando sobre a decisão que permitiu o casamento gay no Brasil (episódio 23)
      • Comentário do André Manenti (episódio 24)
      • The 'words hurt' model of polarization (Washington Post)
      • Lula fala mal de programas que deram origem ao bolsa-família em abril de 2003 (Presidência)
      • Dilma alfineta Marina sobre proposta para Banco Central (Valor Econômico
      • Av. Paulista deve fechar definitivamente aos domingos, afirma Haddad (Folha)
      • Juristas questionam proposta de Constituinte para reforma política (G1
      • TCU dá mais 15 dias para o governo explicar irregularidades nas contas (Estadão)
      • Moderados impedem "Fora FHC" (Folha de S. Paulo, em 1999)
      • Após Collor, país teve 61 tentativas de destituir presidentes (Gazeta do Povo
      • O Governo Sarney (Wikipedia)
      • Plano Cruzado (Wikipedia)
      • Alckmin e Aécio dizem que não cabe à oposição buscar solução para crise no governo (Estadão)
      • A primeira vez que falamos de impeachment, no primeiro episódio do 20 Centavos
      • BB e entidades anunciam medidas para estimular setor automobilístico (G1)

       

      22: Eu Queria ser uma Mosquinha

      Em semana de muitos – e interessantes – comentários, hoje temos um episódio com um só assunto: o impacto dessas pequenas máquinas voadoras chamadas de drones em uma série de conceitos legais e nos nossos costumes. Como fica o direito à privacidade? À propriedade? Como a notícia que inicia nossa conversa, é aceitável dar tiro em drones que entrem na sua propriedade?

      Follow-up de comentários (0:32 até 22:13)

      Drones (22:18 até 52:09)

      20: Desconto Hiperbólico

      Sabe onde vende o Playstation 4 mais caro do mundo? E o iPhone 6 mais caro do mundo? Sim, no Brasil, onde continuarão sendo os mais caros do mundo - entre outros tantos eletrônicos com menos espaço na mídia -, já que o país decidiu não se juntar a 80 outros signatários em um acordo da OMC para cortar impostos de importação sobre esse tipo de produtos. Possível má notícia para o país, mas boa notícia para a pauta desse podcast, onde virou o primeiro assunto da semana.

      Seguindo a temática "Estado atrapalhando nossa vida em nome de um bem maior" e já dando uma prévia de assunto da próxima semana, na segunda parte comparamos propostas de taxação sobre refrigerantes e sobre combustíveis, e o que existe por trás desse tipo de legislação: o viés cognitivo conhecido como "desconto hiperbólico". 

      Por essa semana é só, um episódio um pouco mais curto que o de costume, mas com os mesmos vários links de sempre. 

      Comentários (0:31 até 8:54)

      Acordo de livre comércio de eletrônicos (9:00 até 27:49)

      • Acordo elimina tarifas para eletrônicos em 80 países, mas Brasil resolve ficar fora (Infomoney)
      • Brasil "faz a egípcia" para acordo global de isenção tributária de eletrônicos (Época)
      • Fréderic Bastiat (Wikipedia)
        • Livro "O que se vê e o que não se vê” (francês, inglês e espanhol)
        • Livro com resumo de vários textos em português, editado pelo Instituto Mises Brasil (download gratuito ou comprar em papel)
      • David Ricardo, que explica as vantagem da especialização do trabalho
      • Uruguai vira polo de serviços para a região (Valor Econômico, via NTC & Logística)
      • Acordo sobre comércio mundial é a 1ª vitória do brasileiro à frente da OMC (G1, em 2013)

      Limites do Estado Babá (27:51 até 44:24)

      • O imposto do refrigerantes mexicano está funcionando. Os Estados Unidos deveriam aprender com isso. (Wired, em inglês)
      • O Estado Babá, livro de David Harsanyi (em português, sob encomenda: Cultura, Travessa; em inglês: Amazon)
      • Desconto hiperbólico (Wikipédia)
      • Limites para consumo de combustível podem salvar o clima? (Economist, em inglês)
      • "Para combater as mudanças climáticas" (Jeffrey Sachs, no Ciência em Pauta)

      10: Tara Legiferante

      Hoje é dia de reclamar do excesso de legislação e regulamentação em dois casos recentes, no Brasil: rotulação de produtos com transgênicos e carteira de habilitação para ciclistas (em Belo Horizonte). Não se preocupem, mesmo concordando que há excesso de zelo em ambos os casos, ainda conseguimos encontrar pontos de discordância suficiente para, espera-se, tornar a conversa interessante para todos.

      Antes de colocarmos os links relacionados à conversa dessa semana, temos algumas novidades e pedidos. Primeiro, como alguns talvez já saibam por nossa página no Facebook ou por terem notado a nova aba aqui no site, agora temos também um blog. Depois da discussão sobre as manifestações no Paraná, no episódio anterior, sentimos a necessidade de esclarecer ou expandir alguns pontos por meio de texto, e essa foi a forma que pareceu mais adequada.

      Além disso, criamos nossa "caixinha" no Patreon, um site onde é possível se tornar um "patrono" de nosso podcast, com contribuições do tamanho que seu bolso achar confortável. Por enquanto, não criamos nenhum "objetivo" específico de financiamento nem estabelecemos contrapartidas para os patronos, mas saibam que não é por falta de vontade, mas sim de tempo e criatividade.

      O que nos leva, enfim, aos pedidos. Começando, claro, por pedir que quem se sentir de alguma forma generoso, que pense seriamente em se tornar um patrono do 20 Centavos. Mais do que potencialmente nos ajudar a pagar o bolo e o café pós-gravação, é uma forma de sabermos que tem gente realmente interessada pelo que estamos produzindo. E por essa mesma razão, reiteramos o pedido para que usem todas as formas de contato à sua disposição para comentar os episódios, algum assunto relacionado, sugerir algum novo assunto, xingar quaisquer de nós, pedir pra participar de alguma gravação, demandar um convidado, dar ideias de objetivos e prêmios para o Patreon, o que passar por suas cabeças. Nós fazemos o podcast porque gostamos, mas também porque esperamos que tenha quem goste de ouvir. 

      Dadas todas as notícias e feitas todas as ressalvas, aos assuntos e links dessa semana:

      Como escutar o podcast (de 0:31 até 4:25)

      • Nossa lista de apps recomendados
      • Uma lista dos melhores 6 apps de podcast para Android
      • Uma lista dos melhores 3 apps para Windows Phone

      Rotulagem de transgênicos (de 4:26 até 31:42)

      Carteira de Habilitação para Ciclistas (de 31:47 até 46:20)

      7: De Volta ao Bazar

      Hoje foi um podcast com menos divergência e mais rabugices. Nos sentimos um pouco como dois velhos jogando dominó na praça e reclamando da juventude.  

      Para começar, tocamos em um assunto que, a nosso ver, está sendo discutido em termos falsos: a terceirização. (de 00:32 até 24:45). Será mesmo que os trabalhadores podem ser prejudicados? Será que, ao regular esse assunto, o governo não estaria nos condenando a um crescimento pífio da produtividade?

      Em seguida, entramos em um tema que mexe muito com o senso comum de justiça, que é a discriminação de preços. Embora seja ponto pacífico entre os economistas que esse é um fenômeno que, ao mesmo tempo, melhora a alocação de recursos e o bem-estar das pessoas – em especial das mais pobres – quando são cobrados valores diferentes de cada um pelo mesmo produto ou serviço, uma luzinha vermelha dizendo "injustiça" acende nas cabeças de todos nós. (de 24:45 até 39:21)

      Para encerrar, comentamos a sugestão do juiz Sérgio Moro de encarcerar os condenados por lavagem de dinheiro logo após a sentença de primeira instância, sem necessidade de esperar o trânsito em julgado. Embora os processos judiciais que parecem não ter fim no Brasil sejam fontes de muitas injustiças, atalhos como esses podem trazer mais problemas do que soluções nos médio e longo prazos. (de 39:21 até 52:49)

      • Reclamação sobre os efeitos da Lava-Jato na economia
      • Artigo de Sérgio Fernando Moro e Antônio Cesar Bochenek recomendando a prisão imediatamente após o julgamento de primeira instância para crimes graves

      Aguardamos seus comentários!